Alice através do espelho | Eu assisti

13 de junho de 2016
Hoje trago para vocês a resenha de um filme que assisti esse final de semana e que apesar de não estar sendo tão comentado por aí foi muito esperado por mim, e por fãs da Alice.



Sinopse: Alice (Mia Wasikowska) retorna após uma longa viagem pelo mundo, e reencontra a mãe. No casarão de uma grande festa, ela percebe a presença de um espelho mágico. A jovem atravessa o objeto e retorna ao País das Maravilhas, onde descobre que o Chapeleiro Maluco (Johnny Depp) corre risco de morte após fazer uma descoberta sobre seu passado. Para salvar o amigo, Alice deve conversar com o Tempo (Sacha Baron Cohen) para voltar às vésperas de um evento traumático e mudar o destino do Chapeleiro. Nesta aventura, também descobre um trauma que separou as irmãs Rainha Branca (Anne Hathaway) e Rainha Vermelha (Helena Bonham Carter). (Fonte: Adorocinema)

Direção: James Bobin
Elenco: Mia Wasikowska, Johnny Depp, Helena Bonham Carter,
Sacha Baron Cohen, Anne Hathaway e mais...
Gênero:  Fantasia, Comédia
Nacionalidade: Eua


O longa começa com a aventura de Alice, como capitã, em alto-mar, dando continuidade ao primeiro filme (2010) onde após ter uma aventura em Wonderland a moça teria embarcado para cuidar dos negócios que seriam de seu pai. 

Ao retornar para casa Alice descobre que sua mãe está com problemas financeiros e que acabou abrindo mão do "Maravilha" e que caso permita que isso se concretize terá de deixar de acreditar no impossível.

Dessa vez, ao contrário do que aconteceu no primeiro, Alice não é perseguida pelo Coelho Branco, que acaba aparecendo apenas de relance, e sim por Absolen, a lagarta azul que virou borboleta e que a acompanhou durante toda a expedição. 



É nesse ponto, em que seguindo Absolen Alice descobre um espelho mágico e embarca em uma aventura através do espelho. No Mundo Subterrâneo Alice é informada que o Chapeleiro está "maluco" e que apenas a sua presença poderá fazê-lo melhorar. Aflita para salvar seu melhor amigo a moça resolve embarcar em uma viajem no tempo e promete não medir esforços para sair mais uma vez vitorioso em sua jornada.


Após algumas tentativas, algo dá errado e. Alice acorda em um sanatório onde deveria receber tratamento para seus delírios, porém a destemida mocinha consegue fugir para dar continuidade à sua jornada para que enfim consiga ajudar seu amigo.

Em um certo momento Alice chega a se dar por vencida, porém o filme dá uma reviravolta inesperada e mais uma vez o mundo subterrâneo é salvo graças a coragem da moça, que de quebra resolve o problema de seu amigo chapeleiro.



Pelo final do filme acredito que, infelizmente, este seja o último filme da franquia já que Alice recebe uma recomendação expressa do Tempo para que nunca mais retorne ao mundo subterrâneo e logo em seguida se despede do chapeleiro e o avisa que não o verá mais.

Ao voltar para o mundo real Alice descobre que sua mãe é tão forte quanto seu pai e que terá todo o seu apoio para seguir em um trabalho até então estritamente masculino.



A troca de direção não foi bem sucedida, apear do filme de James Bobin (mesmo diretor de "Os Muppets") ser mais dinâmico que o de Burton ambos possuem roteiro fraco e quase sem nenhuma referência aos livros de  Lewis Carroll, o que é um problema frequente em adaptações de livros para as telonas. Com o público já familiarizado com os personagens não é difícil prender a atenção do espectador.

Por Burton ainda fazer parte da equipe, dessa vez atuando como produtor, o espectador que tenha assistido ao 1º longa da franquia consegue identificar nos cenários digitais lúdicos a marca inconfundível de Tim: muitas cores e esquisitices, além de efeitos visuais muito bem feitos.

Uma saída interessante e bem simples, encontradas para que pudéssemos 'acompanhar' as viagens ao tempo feitas por Alice foi mudar a maquilhagem dos personagens a cada 'tic-tac', fato que ficou bastante verossímil já que esse é o tipo de coisa que acontece ao longo do tempo a cada um de nós.. 

O filme é divertido, de fácil compreensão e não é necessário que se tenha visto o primeiro para conseguir acompanhar a história e entender o que acontece e me parece ser uma excelente opção para ser visto em família, com os pequeninos. 

O filme estreou aqui no Brasil no dia 26 de maio deste ano e muitas salas de cinema do país já o estão exibindo, em outras estará em breve em cartaz. Não perde a oportunidade e compra já o teu ingresso, se você é fã de Alice, assim como eu, vai adorar ver a moça em mais uma aventura!

Me conta: Gosta de movie-actions? Já leu ou assistiu alguma versão de "Alice"?  Já assistiu ou pretende assistir "Alice através do espelho"?

Comentários no Facebook
2 Comentários no Blogger

2 comentários:

  1. Eu nem acredito que ainda não vi esse filme, sempre fui super fã da Alice, desde que eu li o livro quando era criança.
    Adorei a resenha.
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  2. Eu curti o post!
    Confesso que ia assistir, mas depois desisti. Apesar do primeiro filme ter sido legal, sabe aquele tipo de longa que você meio que não consegue ver de outra forma se não for na animação ou jogo? Com alice isso acontece comigo x.x

    Blog - Meu Baú de Estrelas
    Fanpage
    Youtube

    ResponderExcluir

Expresse-se! Sua opinião é muito importante! Aproveita e deixa o link de seu blog (ou site) para que eu possa retribuir o carinho, tá?

Publicações Relacionadas
Design + Programação por Demara Soares © 2013 - 2017 | Powered by Blogger | Todos os direitos reservados | Muito Melhor Visualizado no Google Chrome