Slides Postagens Recentes

Os homens que passaram na minha vida...

30 de setembro de 2019
Hoje acordei pensando no passado. Mais precisamente nos homens que passaram pela minha vida. Não sei se vocês sabem, mas existem vários 'tipos de homens': bad boy, limpinho, arrogante... mas nenhuma dessas classificações leva em conta o que eles acrescentam na sua vida, ou o que eles deixam como aprendizado para gente. Não fui muito de namorar sério, mas namorei bastante de brincadeira ,e lembrei o que cada um me fez passar, o que cada um me permitiu passar e o que eu deixei o que cada um fizesse comigo.



O Príncipe Encantado

Você jura que com ele vai ter um relacionamento perfeito. E acha lindo quando ele fala: " Você é diferente da minha ex", mesmo sem saber exatamente o que esse 'diferente' significa de verdade. No fundo ele: Quer te comer, e só. Mas geralmente são tão medrosos que parecem mais aqueles cachorros chihuahua que se você bate o pé no chão ele sai correndo. Ou seja, se duvidar um cara desse tipo é muito mais mulher do que eu!  Geralmente são os primeiros 'namoricos' que a gente tem.

Ensinamentos: Príncipe Encantado não existe! Aliás, se não tomarmos cuidado esses podem ser altamente destrutivos. E mesmo depois de terminar anos mais tarde eles vão tentar ressurgir do mundo dos mortos jurando que  você foi importante na vida dele, e já aviso que isso está longe de ser verdade. No fundo o que ele deseja mesmo é sugar um pouco mais da sua energia.



O Sábio

Parece ser o cara mais vivido do mundo, sempre sabe de tudo, até mesmo quando não sabe,  e tem sempre um conselho pronto na ponta da língua. Você acha o máximo quando ele usa o jargão: " A vida é assim mesmo"! Mas minha amiga a verdade é que ele é um parasita que quer sugar sua energia com essa pseudo-sabedoria. Resumo da ópera: "É"  Muito sábio, filosofa demais, tudo é assim mesmo e tudo vai se ajeitar... e vai ser assim enquanto ele pensar que ainda tem um tiquinho de alguma coisa aqui ou acolá para sugar.

Ensinamentos: Na vida existem duas formas de aprender com erros. Aprender com os seus próprios erros e a segunda opção que é aprender com os dos outros, mas  não se conforme com as coisas. Tá insatisfeita? Mude! Mude mesmo, de atitude, de casa, de emprego, ou o mais sensato mude de homem mesmo.



O Carnavalesco

Você jura que ele é a 'bomba' da sua autoestima. Porque ele tem sempre uma frase de efeito do tipo "A rainha do meu carnaval", "a dona do meu coração"! Mas cai na real porque é bajulação, pura e simples. Resumindo: É bem provável que ele use a mesma cantada há anos, sem mudar uma vírgula. E sempre tem uma guria carente que acredita. Ele vai  se dedicar por meses se for preciso só para te levar para cama. Mas geralmente ele é comprometido, e usa o carnaval como disfarce para traçar mulheres inocentes. E depois que ele conseguir o que quer ou ele vai sumir ou vai com aquela velha máxima "Não estou pronto para nada sério agora e não quero te privar de encontrar alguém legal!" mas na verdade, o que ele queria dizer é que "figurinha repetida não completa o álbum".

Ensinamentos: Se a tua intuição tá falhando, escuta a da sua mãe, que intuição de mãe não falha. Quando a esmola é demais o santo desconfia. Começa a dar umas contar par ele pagar (água, luz, internet), certeza que ele vai parar de te importunar.



O Vivido

Você se sente super segura ao lado dele e essa é mesmo a sensação que ele quer que você tenha. No primeiro 'problema' você vai ouvir pérolas seguidas de frases de efeito como: " Eu sei, vai por mim", "Já vivi isso"!Na verdade ele não é nada mais além de um pseudo-fodão que no auge dos 30 e poucos anos quer te ensinar como viver sua vida, mesmo que ele seja fodido, divorciado e esteja pagando pensão para 3 filhos de mulheres diferentes e ainda tem a coragem de usar a frase "Faça como eu fiz..." Arght! O pior é que eles geralmente são boa pinta, tipo Johnny Depp, ai a gente não sabe se fica para o bicho comer ou se corre para ver o bicho pegar.

Ensinamentos: Conselho a gente pede para os pais e só! E deixe ele saber que você não é ele e que "o que não funcionou para ele pode sim funcionar perfeitamente na sua vida!"



O Cafajeste

Te deixa com a sensação de que você é a toda poderosa da parada, mas daí vem te chamar de "gostosa", que tadinho, jura que é elogio, mas além de se ofensa das brabas é uma palavra para lá de imprópria. Resumo: Ele só precisa de 4 horas.Talvez ele te ligue, provavelmente não. É o tipo de relacionamento que dura a vida toda e é baseado em "Não faça perguntas". Ele vai sumir por meses, vai voltar do nada como se nada tivesse acontecido e aí de você se não tiver esperando por ele.

Ensinamentos: Você não precisa de homem para levantar seu ego, viver e muito menos te sustentar. #girlpower



O Enrolão

Ele vai  te dar esperanças usando frases como: "Poxa fiquei preso no trânsito", "Tive reunião no trabalho" ou até mesmo "Fui ao funeral da cadela da cabeleireira da prima da minha vizinha" ... e às vezes sem perceber usa as três frases juntas. Traduzindo: Ele marca, marca, marca, marca.... continua marcando e nunca aparece, a não ser que não tenha nenhum jogo ou que todas as outras já tenham companhia no sábado a noite, quando ele liga de última hora. Gosta de mostrar que é capaz de te deixar empolgada, geralmente não tem compromisso nenhum, e te liga do sofá de casa vendo Fantástico.

Ensinamentos: Economize! Ele não liga para nada que você estará usando, mas sim para a velocidade que tira a roupa. Ah, ele nunca mais vai aparecer depois que conseguir o que quer!

RESUMÃO: Tudo o que os caras te acrescentam é falso para o lado deles, mas despertam sentimentos reais na gente. Não podemos nos tornar galinhas e descontar naqueles que usaram e abusaram da gente, fomos "usadas" porque deixamos, temos só que tirar proveito disso. Não podemos deixar de ser românticas como o príncipe, de saber escutar como os sábios ( mas sem dar conselhos), de dar uma bajulada como o carnavalesco (de leve), de fazer programas mais tranquilos como o sábio/vivido ( cinema, teatro, filminho antigo é com eles mesmo), de demostrar seus desejos como o cafajeste, tá aí uma categoria que sabe do que gosta e não tem vergonha de pedir, e por fim não podemos perder o entusiasmo com os enrolões. É tão bom a ansiedade do bem, de se arrumar se sentir maravilhosa, mas sem grandes despesas, sem grandes ornamentações e com o único intuito de agradar a si mesma .

Vale ressaltar que existem homens que conseguem ser cada tipo de homem no decorrer da vida adulta,à medida que eles veem que uma tática parou de funcionar mudam para a próxima.

Sigo minha vida sempre observando para aprender. Adoro aprender com a minha vida, ela é ótima e não perde em nada para as comédias e Woody Allen ou para os dramas de Jane Austin e á tive até alguns episódios a la Hitchcock. Viva e deixe viver, e divirta-se com esses caras, o melhor é quando a gente sabe identificar eles de cara e continua mesmo assim só para ver as cenas dos próximos capítulos!
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse-se! Sua opinião é muito importante! Aproveita e deixa o link de seu blog (ou site) para que eu possa retribuir o carinho, tá?

Design + Programação por Demara Soares © 2013 - 2019 | Powered by Blogger | Todos os direitos reservados | Muito Melhor Visualizado no Google Chrome